Meça a influência da sua casa rural nas redes sociais

Hoje damos um passo em frente na série “turismo rural e redes sociais” que temos vindo a partilhar ao longo dos últimos meses. Já vimos as ferramentas que estão ao seu alcance, como geri-las e como monitorizar o que se diz por aí, entre outras coisas. Hoje vamos ocupar-nos da medição da influência que geramos nas redes sociais, tendo em conta diferentes ferramentas.

Meça a Influência da sua casa rural nas redes sociais

O que é a influência?
Por “influência” entende-se a capacidade para fazer chegar as nossas mensagens aos utilizadores e, portanto, ter influência junto dos mesmos. Com as redes sociais, esta capacidade cresceu bastante ao ser possível chegar ao nosso público de forma rápida e eficaz.

Estes instrumentos de medição são fiáveis?
Os modelos poderão ainda não ser tão exactos como deveriam mas é importante medir se influenciamos (ou não) nos nossos seguidores para poder marcar o caminho a seguir, os aspectos que estão bem e os que são melhoráveis. Escolher uma ou duas fontes de medição ajudar-nos-á a traçar uma estratégia a desenvolver. Contudo, atenção, não é caso para obcecar-se com isto; é um mundo em constante evolução!

Passos a seguir
Para poder determinar as ferramentas que mais nos convêm, teremos em conta vários factores, como por exemplo: definir a sua personalidade online, escolher as personagens influentes e seguir os seus passos, seleccionar o seu público-alvo, ser coerente com a sua mensagem, traçar alianças estratégicas, etc.

Ferramentas de medição de influência online
Vamos entrar em detalhe. Quais são as ferramentas a ter em conta para medir a nossa influência nas redes sociais? Em seguida apresentaremos uma lista, a partir da qual poderá usar a que mais gostar, tanto para Facebook, como para Twitter.

Influencia em redes sociais

1. Klout. É a ferramenta de medição de influência por excelência. Pode conectar a sua conta de Klout com as de Facebook, Twitter, Google+, LinkedIn, Foursquare, YouTube, Instagram e Blogger. Uma vez conectadas, estipula-se uma pontuação entre 1 e 100 em função da repercussão que as suas publicações têm nas diferentes redes sociais. A rede de maior relevância no Klout é o Twitter, embora a pontuação estipulada a cada pessoa venha determinada tanto pela quantidade como pela qualidade dos comentários dos usuários em quem exerce influência.

2. PeerIndex. Esta ferramenta também estipula uma pontuação aos utilizadores, e neste caso, em relação aos temas de influência. Baseia-se em três componentes: autoridade, actividade e audiência, e a sua distribuição para estabelecer um índice ponderado entre 1 e 100, tal como o Klout.

3. Tweet Grader. Ferramenta focada exclusivamente no Twitter. Tem apenas de inserir o seu nome de utilizador e aparecerão vários dados. O mais importante é o Grade, que pode assumir valores entre 1 e 100  e é efectivamente o que nos indica o estado de popularidade. Também oferece informações curiosas sobre a sua conta de Twitter, como o dia de criação, os utilizadores que começaram a “twittar” no próprio dia, ou as palavras que você mais utiliza ao fazê-lo. Além disso, inclui a possibilidade de ver a evolução em forma de gráfico, dos seus seguidores e de quem o/a segue.

4. Twitalyzer. Outro ranking através do qual pode medir o impacto geral que tem no Twitter com base nos últimos 30 dias. O bom desta ferramenta é que nos mostra uma comparação com outras ferramentes, como PeerIndex ou Klout, de modo a ter uma visão mais completa. Os resultados do Twitalyzer são obtidos através do número de seguidores, referências únicas e menções, entre outros factores.

5. Tweetreach. Neste caso, relacionam-se tweets ou hashtags com a quantidade de gente que que os re-publicou através de enlaces, comentários, re-twitteando, etc. É um bom recurso para o seguimento de um tema de interesse. No entanto, o que tem de especial é que pode fazer seguimento de um tema criado por si e ver o alcance do mesmo.

6. Facebook Grader. Uma variação do Tweet Grader (explicado anteriormente), que nos permitirá conhecer a popularidade da nossa marca nesta rede social. Terá que iniciar sessão com o seu nome de utilizador para que lhe indique o grau de influência em função da quantidade de amigos que tem, a quantos grupos pertence, o número de fotografias e comentários no seu Mural.

7. Facebook Insights. As estatísticas do Facebook dão-nos uma grande quantidade de informação para descobrir se chegamos ou não a ser influentes junto dos nossos fãs. Podemos basear-nos nas variáveis “alcance” e “pessoas a falar disto” para conhecer o grau de influência. O primeiro é o número de pessoas às quais chegamos, enquanto que o segundo é a quantidade de interacções dos utilizadores com a tua página, onde se incluem os “Gosto”, respostas a qualquer pergunta feita, comentários, actualização no Mural, menção da página, etc.

8. Converse Social. Uma ferramenta que vale a pena conhecer dado que compara o grau de compromisso da nossa comunidade no Facebook com o da concorrência. Comprove, para os últimos 30 dias, o nível de interacções que teve a sua página, segundo os comentários, os “Gosto”, publicações e número de fãs.

Estes são os passos principais que deve dar para conhecer a influência que tem a conta de Facebook ou Twitter do seu alojamento. Experimente e conte-nos o que lhe parece! Está a faltar-nos mais alguma informação?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *