Refinaria em Espanha, efeitos em Portugal?

Perto da Serra de San Jorge, no município dos Santos de Maimona, na província de Badajoz e apenas a 100 km da fronteira com Portugal, será quase inevitavelmente construida a Refinaria Balboa, iniciativa do Grupo Alfonso Gallardo. Este pretende ser o maior projecto industrial da história de Estremadura. Será a décima refinaria de petróleo em Espanha, e tem sido concebida para ser, pelo seu desenho e tecnologia, a nova referência do refino em Espanha.

Balboa será una refinaria de conversão total, na qual irão queimar-se apenas combustíveis gaseosos e não irá gerar resíduos.

Existem no entanto algumas desvantagens. A construção desta nova refinaria leva consigo umas implicações a nível ambiental muito altas não só para a região onde estará situada, mas também para aquelas zonas próximas a ela. É este o caso de Portugal e mais concretamente do Alentejo. Devido a isto, tem-se tratado ao longo deste ano a problemática relativa a dita construção, e o empresário José Roquette revelou que Portugal vai exigir em Bruxelas que o projecto cumpra “requisitos ambientais elevados” com a esperança de que o investimento fique assim mais alto e não se consiga realizar.

Não só em Portugal a construção desta refinaria tem suscitado controvérsia, têm sido muitas as manifestações por parte de espanhóis contrários a este projecto, já que para além dos efeitos que pode causar à saude e no meio ambiente, mais sectores poderíam ver-se afectados, como é o caso do turismo rural. Em essa zona de Estremadura e na parte do Alentejo (nomeadamente no distrito de Évora) há uma data de empreendimentos e alojamentos rurais.

Mais informações (sites em espanhol):

Itziar Fernández

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *