Tag Archives: Ideias de fim-de-semana

ÉVORA: A CAPITAL MEGALÍTICA IBÉRICA

Visitar Évora é mergulhar na história de civilizações que passaram por esta cidade alentejana património da humanidade. Uma das principais atrações de Évora é a vasta quantidade de registos megalíticos existentes na região. Mas os grandes engodos desta cidade alentejana são suas gentes hospitaleiras, o artesanato típico, a rica gastronomia, as tradições, os cheiros e sabores que caracterizam esta bela região que está à espera à sua espera para o surpreender.

evora calle

Cromeleque dos Almendres o maior da península ibérica

O famoso Cromeleque dos Almendres é o maior conjunto de menires estruturados da Península Ibérica e um dos mais importantes da Europa não apenas pelas suas dimensões, como também pelo seu estado de conservação. Encontra-se a cerca de 13 quilómetros da cidade de Évora, no Alentejo, a Sul de Portugal.

É um grande chamariz desta cidade pela sua antiguidade e pelo ambiente pré-histórico que se sente assim que se vislumbra este monumento.

Só no distrito de Évora, conhecem-se, atualmente, mais de uma dezena de locais megalíticos, quase uma centena de menires isolados, perto de oitocentas antas e cerca de quatrocentos e cinquenta povoados “megalíticos”. É uma cidade em que cada canto respira história e onde conseguimos imaginar como viveram os nossos antepassados.

Barragem do Alqueva, um santuário rupestre

Existem ainda alguns raros exemplares de monumentos aparentados, os tholoi, e, na área da Barragem do Alqueva, foi recentemente descoberto um extraordinário santuário de arte rupestre, atualmente submerso. A Barragem de Alqueva é hoje a o maior reservatório artificial de água da Europa. Possui uma altura de 96 m acima da fundação e um comprimento de coroamento de 458 m2 .

Tempo Romano
O templo romano de Évora é um dos monumentos romanos mais importantes de Portugal. Situa-se no ponto mais alto da cidade e foi parte do fórum romano. Pensa-se que foi criado por volta do século I para homenagear o Imperador Augusto, mas mais tarde passou a ser conhecido erradamente por Templo de Diana.

templo evoraÉvora é assim, uma cidade bastante rica em termos de monumentos pré-históricos mas conta também com variadas “assinaturas” romanas, renascentistas e contemporâneas que a tornam uma cidade diversificada e cheia de locais inesquecíveis por descobrir.

As aldeias mais pequenas de Portugal

Na geografia Portuguesa existem todo o tipo de povoações. Existem destinos balneares que ficam desertos no Inverno, mas que se enchem de gente no verão, existem locais ideais para a diversão, outros para o relaxamento e sem dúvida subsiste uma variedade imensa de culturas, conhecimentos e interesses.

Aldeia de Cortecega

Hoje quisemos eleger as localidades menos povoadas. Estas localidades são sem dúvida uma ideal opção para nos desconectarmos do quotidiano citadino e nos conectarmos á terra que tanta falta faz à nossa sanidade. Sem mais delongas deixamos aqui uma breve descrição, sobre algumas das localidades menos povoadas de Portugal:

Aldeia da Pena
A Aldeia da Pena é uma aldeia típica de xisto, fica situada a 325km de Lisboa e a 20km de São Pedro do Sul. Esta aldeia possui 6 habitantes e 10 casas de habitação. É considerada um ponto de passagem obrigatório para aqueles que amam a natureza pois está situada no fundo de um vale na serra de São Macário. As suas paisagens vistas dos pontos mais altos são simplesmente magníficas.

Aldeia de Cubas
Dois casais de idosos são a força humana de Cubas e o que faz com que esta aldeia não seja considerada “finda”. Esta pequena aldeia está localizada em Trás-os-Montes na localidade de Vila Pouca de Aguiar. Entre outras coisas, Cubas possui um lindíssimo percurso pedestre de 12 km por entre magnificas paisagens.

Aldeia Nova
Aldeia Nova, que fica situada no concelho de Almeida em Freixo da Serra, possui atualmente 33 habitantes, embora em 1900 possui-se cerca de 164. Num passado recente a principal produção desta aldeia era o centeio. Sabe-se que a maioria dos seus habitantes emigraram, especialmente para França, e quem sabe se algum dia regressarão… Em tom de curiosidade sabe-se que esta aldeia possui internet wireless desde 2009, algo paradoxal quando pretendemos alugar alguma das casas rurais próximas de Aldeia Nova para “desligar”.

Goujoim
A aldeia de Goujoim possui apenas 58 habitantes e fica localizada no município de Armamar. É considerada uma “aldeia museu” por ser uma das aldeias mais antigas.
O seu nome presumivelmente provém da derivação do nome Aben ou Bem Uvim. Ao longo da história este nome escreveu-se de diversas formas tais como Gojim, Gomjoym, Gojoim, até se chegar ao nome atual: Goujoim. Tal como em outras aldeias vizinhas, nesta aldeia vivia-se da produção do azeite, centeio, vinho e trigo. Quem sabe não valerá a pena uma visita de forma a tomarmos conhecimento dos vestígios da história que ainda conserva a Aldeia de Goujoim.

Asnela
Em Asnela há 50 anos atrás contava-se uma população de 250 pessoas, atualmente não existem mais que 10 pessoas. As suas casas de granito são o seu maior atrativo. Uma das coisas mais surpreendentes neste tipo de aldeias é a capacidade que os seus habitantes possuem de se auto sustentarem semeando batatas, feijão, cebola e criando animais para consumo próprio. Se pensa em visitar algumas das casas rurais perto da Aldeia de Asnela, recomendamos que leve consigo um pequeno fogão e cafeteira, pois nos arredores desta aldeia não existem nem cafés nem padarias.

Montes Altos
Eis uma história com final feliz. A localidade de Montes Altos possuía somente 11 habitantes em 1993, atualmente possui 70 habitantes graças ao centro social de Montes Altos, que inverteu esta eminente desertificação e que igualmente oferece apoio domiciliário às freguesias vizinhas. Para aqueles que querem contribuir para o aumento desta população, pelo menos temporariamente, aconselhamos a estadia numa casa rural próxima de Montes Altos.

Cortecega
Possuindo somente 11 habitantes, a Aldeia de Cortecega possui uma dinâmica ativa do mundo rural. Esta aldeia mantem as tradições de muitos outros locais do norte de Portugal e é tão ativa que nos custa imaginar que se aproxima da extinção. O surpreendente nesta região é o espirito familiar que a envolve.

Adagoi
Adagoi não possui habitantes, contudo teve há pouco tempo um único habitante, mas que se mudou para uma aldeia vizinha. Em forma de curiosidade sabemos que o nome desta aldeia tem origem germânica e significa, segundo a wikipédia, “veiga ou pequeno vale”. Adagoi é um lugar que oferece uma oportunidade única de se ver uma aldeia portuguesa sem vida humana mas onde, felizmente, existem muitos alojamentos rurais nas redondezas de Adagoi.

Casas rurais na Grande Lisboa

Quando falamos de Lisboa a primeira coisa que surge na mente é a agitação da capital. No entanto, na região também se encontram perfeitos e tranquilos locais de descanso, onde pode relaxar. Conheça assim as nossas casas rurais na região da Grande Lisboa.

Pousada Eowa | Carvoeira, LisboaEm Lisboa tem inúmeras razões de visita e formas de passar o tempo. Assim, deixamos apenas alguns conselhos. A primeira visita que sugerimos é ao Castelo de São Jorge, que domina o paisagem no centro da cidade. Para lá chegar, aconselhamos que calce os ténis e vá a pé, aproveitando para parar nos miradouros que encontra pelo caminho, além de conhecer um pouco mais dos bairros típicos de Lisboa, como o Castelo, Alfama ou Mouraria.

Outra visita sugerida é também o passeio pelo Bairro Alto, à noite, para sentir o que é a tradicional vida nocturna lisboeta. Antes, pela tarde, sugerimos a visita à zona do Chiado para sentir o pulsar de uma moderna cidade europeia. Ainda antes de subir aí, vá à Praça do Comércio, junto ao Tejo, e observe a cidade e a sua “famosa” luz.

Não lhe vamos indicar mais sugestões de visita, porque são tantos os locais onde pode passar o tempo que este post ficaria demasiado longo. No entanto, é verdade também que não há melhor do que partir à descoberta pela cidade de Lisboa. Aventure-se.

Esta região -Grande Lisboa – engloba, além do concelho da capital, outros concelhos periféricos, como os de Sintra ou Cascais. Na vila de Cascais, por exemplo, poderá passear na cidade velha, zona mais antiga da vila, e dirigir-se para a famosa baía e apreciar aí o belo que o mar português tem para oferecer.

Já na romântica vila de Sintra, são muitos os monumentos a visitar – como o Palácio da Pena – mas é de cortar a respiração a quantidade de verde e a importância da mãe Natureza nesta região.

A zona turística da Grande Lisboa é mais uma das regiões das quais temos vindo a falar, a juntar-se assim ao Alto Alentejo, Trás-os-Montes, Serra da Estrela, Alto Douro, Minho e Douro Litoral.

Do que espera? Aproveite as nossas casas rurais e descanse.

Boa viagem!

Páscoa numa casa rural

Festa de carácter religioso, é aproveitada por todos como um período ideal para descansar uns dias e ganhar energias até às férias de Verão. Falamos da Páscoa, e nós na Toprural damos-lhe algumas sugestões onde ir.

Casa dos Vargos | Casa rural com promoção de Páscoa

No dia de Páscoa, sempre um domingo, assinala-se a Ressurreição de Jesus Cristo depois da sua morte por crucificação, que ‘ocorreu’ na sexta-feira anterior, apelidada de Sexta-feira Santa. Este ano assinala-se a 22 de Abril, sendo assim a Páscoa a 24. Ou seja, na segunda-feira, dia 25 de Abril, o dia comemorativo da Revolução dos Cravos, teremos outro feriado para aproveitar. São assim quatro dias para descansar, e para isso nada melhor que algumas das nossas casas rurais. Mas, como queremos que também tenha contacto com as nossas tradições e cultura, sugerimos algumas festas desta época em três diferentes regiões de Portugal.

Semana Santa de Braga – decorre de 13 a 24 de Abril. Com inúmeras ocasiões de carácter cristão, aqui destaca-se a Procissão do Senhor “Ecce Homo”, na 5ª feira Santa, guiada pelos farricocos – homens descalços, com a cabeça tapada com capuz. Refira-se que “Ecce Homo” remete para a forma com que Pôncio Pilatos apresentou apresentou Cristo à multidão: «Eis o Homem». Veja as nossas casas rurais para a Semana Santa em Braga.

Mistérios da Páscoa – tem lugar em Idanha-a-Nova. Festa, tal como a anterior, com forte pendor religioso, tem vincadas tradições como a Encomendação das Almas, a Ceia dos Doze, a Procissão corrida e o terço cantado pelos homens. Escolha uma das nossas casas rurais para a sua Semana Santa em Idanha-a-Nova.

Páscoa em Albufeira – este conhecido concelho algarvio também é local de eventos carregados de religiosidade nesta altura da Páscoa. No entanto, permitam-nos o acrescento: além de toda essa beleza, pode também beneficiar das belas praias e sol. Aproveite as nossas casas rurais para a Semana Santa em Albufeira e Algarve.

Por altura existem também promoções na compra de voos para as nossas regiões autónomas, pelo que pode aproveitar a ir passear na Páscoa para a Madeira ou Açores. De certo que não se arrependerá.

Boa viagem, e boa Páscoa.

Casas rurais para o Dia de São Valentim

O Dia dos Namorados, ou Dia de S. Valentim, não é o único dia do ano disponível para namorar. Mas já que existe, porque não comemorar de uma forma especial? Pensámos nisso na Toprural e, para que o aproveite com quem mais gosta, apresentamos uma selecção de casas feitas a pensar nos casais. E ainda, algumas promoções, Para que, assim, o dia 14 de Fevereiro fique na sua e na memória da pessoa com que quer passar toda a vida.

Quinta ou casa rural (quartos) | Herdade do Touril | Zambujeira do Mar, Odemira
Qualquer uma das casas rurais potenciam momentos a sós que fazem as delícias dos apaixonados. Mas se juntarmos a tudo isto uma envolvente romântica, ainda melhor. Assim, se está a planear uma saída a dois, fique com a nossa selecção de românticas casas rurais que, complementadas com um íntimo jacuzzi, permitirão que relaxe na melhor companhia:

Herdade do Touril – Localizada na Costa Alentejana, é a simbiose perfeita entre campo e praia.

Quinta do Burgo – Uma das mais antigas quintas do Norte do país, é também um agradável local de descanso.

Quinta do Molinu – Com diversos equipamentos de uso gratuito, é a casa ideal para os casais mais activos.

Quinta de Abol de Baixo – Agroturismo desde 2006, a quinta tem raízes no séc. XV.

A Casa do Ouvidor – A beleza da ilha do Pico, Açores, em todo o seu esplendor.

Casa de Santa Ana da Beira – Os proprietários definem a casa numa simples frase: a tradição do passado com o conforto do presente.

Quinta do Marco – Localizada no sotavento algarvio, entre o mar e a serra. O que, por si só, já é atractivo suficiente.

Não se esqueça que pode, também, procurar no nosso site casas com lareira ou spa.

Promoções de Dia de São Valentim

Sem jacuzzi, mas com muitos outros motivos que captam o olhar, as casas seguintes têm a particularidade de apresentarem promoções disponíveis para dia 14 de Fevereiro:

Hotel de Charme Quinta do Pinheiro
O nome diz tudo, e o charme impera mesmo nesta unidade. Com 17 quartos duplos, tem também 4 acolhedoras suites. Terá à sua espera, no quarto, uma garrafa de champanhe para começar a preparar o ambiente para o jantar especial de São Valentim.

Estalagem Solar dos Marcos
Edifício de relevante valor arquitectónico, o Solar dos Marcos é uma antiga casa senhorial cuja construção se iniciou na primeira metade do séc. XVIII. O jardim e a piscina estão à disposição para passar um dia na melhor companhia.

Turismo Rural Nave Redonda do Cerro
A calma e a tranquilidade alentejanas caracterizam os dias e noites que se passam neste típico monte alentejano. A promoção de São Valentim inclui jantar num restaurante relativamente perto.

Se, ainda assim, isto não for suficiente, fique com as sugestões de promoção de São Valentim em Espanha (link em castelhano). E namore. Namore muito.

Se souber de mais promoções, ou tiver outras sugestões, avise-nos deixando um comentário.

Actualização Janeiro 2013:

Procura uma casa rural para o São Valentim? Veja as nossas ofertas de casas rurais para o Dia dos Namorados!